quinta-feira, 14 de julho de 2011

Aceitam-se sugestões


As férias aproximam-se. Depois de um ano inteirinho a ler livros de bullshit sobre “Pesquisa de Marketing”, ou “Investigação por Questionário”… estou ansiosa! Ou, como diria a minha filhota, estou “insiosa”.

Finalmente, vou poder pegar num livro e lê-lo de ponta a ponta, sem ter de o mencionar numa qualquer bibliografia. Acho que já nem sei fazer isso!

Tenho saudades de ler um livro e mergulhar na sua história. Viajar por esse mundo, guiada por jogos de palavras. Conhecer gente imaginária, e enredos envolventes e viciantes. Querer parar e não ser capaz. 

Sentir os olhos a fecharem-se com sono, mas ter de ler só mais uma página. Para encontrar o fim à estrada. O destino. Para saber mais.

O último que li, “Fúria Divina” de José Rodrigues dos Santos, adorei! É mesmo o meu género. Terrorismo, suspense, política, viagens, e romance q.b.

Gosto de escrita descritiva, mas simples. Que me faça sentir que estou a ouvir uma história que me é lida ao ouvido e que, ao fechar os olhos, me permita visualizar cada cena nos seus detalhes. Gosto de livros dinâmicos, que apresentem vários cenários e onde se cruzem diferentes personagens. Gosto de jogos de palavras. Ironia. Mas também algum humor. Alguma sensualidade. Alguma brutalidade. 

Enfim. Gosto de ler. Portanto, aceito sugestões!

Ahhh… é verdade, só não suporto romances lamechas. Amor, só por si, sem mais nada. Daqueles tão melosos, que só de ler tenho uma crise de diabetes! Tipo Nicholas Sparks. Sem ofensa a quem goste, por favor não me sugiram o género!

Agradecida!




6 comentários:

Alter Ego disse...

Conhecendo-te como te conheço... Lars Kepler: O Executor.
Não li ainda, mas pela apresentação que vi há dias na TV fiquei com curiosidade.
Vê aqui http://diariodigital.sapo.pt/news.asp?section_id=4&id_news=517637.
Bjs
R

Teresa disse...

Ups... sem querer apaguei o comment do GM. Como não era minha intenção, e ainda tinha o alerta que recebi por email, aqui fica

".:GM:. deixou um novo comentário na sua mensagem "Aceitam-se sugestões":
As minhas leituras não se coadunam com os teus gostos... :-P"

E já agora a minha resposta: Pois, se calhar não. Se for poesia. Mas podes sempre sugerir! :-) Bjs GM

Pseudo disse...

Teresa, deixo-te aqui meia dúzia de sugestões, ao MEU gosto, copiadas da minha estante:

Paul Auster, Sunset Park" (em inglês) - literatura contemporânea, descreve pessoas jovens (mal)integradas na sociedade americana dum modo bastante realista.

Asne Seierstad, "O Livreiro de Cabul" - Afeganistão, sociedade masculina, Livreiro avant-garde rígido com as suas mulheres e família, em geral...perspectiva duma "outsider".

Philip Kerr, "O Projecto Janus"- Alemanha, 1949...descoberta dum projecto nazi com a participação (involuntária) de seres humanos.

Douglas Preston / Mario Spezi, "The Monster of Florence" (em inglês), relatos verídicos duma investigação de assassinatos em Florença.

Vários autores portugueses, "O Código d'Avintes" - sátira bem humorada sobre....o livro original, o nascimento de Cristo, a broa de avintes e sei lá que mais....boas gargalhadas :)

John Le Carré, O Canto da Missão - thriller, história de amor, passado em África, final inesperado e surpreendente.

Ui, tantos, tantos!

Teresa disse...

Pseudo,
Obrigada pelas sugestões. Aguçaram-me de facto o apetite, pois ainda não li nenhum deles.
:-)

Alice disse...

Eu acabei de receber, dois que tinha encomendado:

- Emily Brontë "O Monte dos Vendavais"
- Stieg Larsson "Os Homens que Odeiam as Mulheres"

Agora só lendo é que posso dar a minha opinião, mas têm muito boas criticas.

**

Teresa disse...

Peguei no Caim, do Saramago.

Já tanta gente me disse mal. E tinha-o ali na prateleira há já algum tempo... decidi dar-lhe uma hipótese.

Para já, estou a gostar!

Beijinhos a todos,

T