segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Eu sei! (... ou, momentos de puro egoísmo!)

Eu sei que o egoísmo é uma coisa muito feia. Eu sei. Mas não consigo evitá-lo. Em especial quando se tratam de momentos de egoísmo relacionados com a eventualidade de poder ter-te mais próximo e conhecer-te melhor.

Eu sei que não te posso “cobrar” nada. Eu sei que não temos, nem somos nada. Eu sei que tens razão, e que isto não faz o menor sentido.

Eu sei que já coloquei uma pedra sobre o assunto! Mas também sei que, até partires, essa pedra está apenas sobre o assunto, mas não está “cimentada”.

Eu sei que por vezes tenho momentos de puro egoísmo. Quando me dizes que não sabes o que queres. Quando sinto que ainda não sabes se vais.

E apetece-me gritar-te: Não vás!!! Fica! Vamos descobrir o que poderíamos ser!

Eu sei. Tu sabes…

Não há sol quando te vais embora…


3 comentários:

zequinhas disse...

Oi =)

Aiiiii que confusão que aí vai.
As pedras são tão dificeis de colocar...e mesmo depois de as termos colocado parece que se transformam em plumas teimando em levitar ao minimo descuido.

E eu tenho tantos momentos de puro egoismo, mas não me importo, a minha cabeça é um mundo confuso.

Agora tu!
se queres um conselho...não deixes que o céu se torne neblado, entendes?

bj
*

Teresa disse...

Zequinhas,

Não é confusão... já tinha posto uma pedra no assunto, mas cá no fundo restava uma esperancinha! E este momento de puro egoísmo foi a expressão dessa "esperancinha".

E eu sabia que hoje, seria dia de decidir: ou colocar o cimento definitvmente ou levantar a pedra....

Ganhou o cimento e tive de apagar os últimos vestígios.

Mas ainda não consegui escrever sobre isso. Faço-o amanhã ou depois!

Teresa disse...

ah... e faltaram os beijinhos!