sábado, 18 de outubro de 2008

O Tributo a Carlos Paião

Comecei pelo princípio. E fui seguindo, lentamente, demorando-me em cada canção deste album. Fui descobrindo novas emoções, em músicas tão antigas.

Primeiro, "Cinderela" - uma cancão que, nem sei explicar porquê, até há bem pouco tempo me emocionava, sempre que a ouvia. Desta vez na voz de Rui Veloso. Fantástica!

Depois, Tiago Bettencourt. E o inesquecível "Pó de Arroz" ganha contornos completamente novos.

Mais uma surpresa: "Vinho do Porto", por Donna Maria. Arrepiante, diferente... uma mistura de estilos. Um arranjo brilhante!

Mas, surpreendeu-me verdadeiramente, esta canção! Os Per7ume, entregam a magia da sua interpretação a "Versos de Amor".

É uma canção simplesmente liiiiinda!... E há tanto, tanto tempo que não a ouvia. E delicia-me esta nova versão... Não me canso de a ouvir, de repetir vezes sem conta.... e de me deixar levar pelas emoções e pelos sonhos destes Versos de Amor.

Versos de Amor - Per7ume

1 comentário:

LetrasAlinhadas disse...

Olá. Excelente escolha. Sim, tambem fico emocionado. E sim, continuo a achar o teu blog uma pérola e a ideia de o ires construindo assim, excapcional.