terça-feira, 15 de julho de 2008

Revelação

Hoje, faço de conta que me vou revelar…

Vou escrever tudo o que queria dizer-te e não consigo!!! E mesmo que nunca o venha a dizer, este é o meu desabafo!!!

Li algures, um destes dias, que “Paixão não é o que queremos sentir. Paixão é o que sentimos sem querer”. E eu, sem querer, apaixonei-me por ti!

Eu bem tentei afastar-te dos meus pensamentos e lutar contra esta paixão que começou a crescer dentro de mim... Agora, já desisti de combater o efeito surpreendente que me causas!

E tu, és o grande culpado pelo que sinto: És giro... aliás, és muito giro... lindooooo mesmo! E tens as mãos mais bonitas que já vi!... És inteligente, e essa é a qualidade que mais aprecio num homem!... És tão interessante... temos tanto em comum… E és uma excelente companhia! E no teu papel pai, “dás cabo de mim”!!! - é que nesse campo sou uma lamechas, e o teu instinto paternal é outra das tuas grandes qualidades.

E nem acredito que ainda não percebeste o quanto estou doida por ti, mesmo com a “bandeira” que dou!...

Provavelmente, enquanto escrevo cada uma destas palavras, é ela que está nos teus braços e que sente todos os teus beijos… e ela nem te merece!!!!

Mas eu sei que não é a ela que procuras… e, acredito, um destes dias vais descobrir!...

Por vezes sinto que estamos “na mesma onda”... que temos uma química qualquer, e que de alguma forma também te afecto... outras vezes, acho que estou a fantasiar, e que apenas vês em mim uma boa amiga.

O facto é que me deixas doida!!! Completamente desnorteada...

Mas também é verdade é que esta paixão até me faz bem! Mesmo que nunca venha a ter-te, apaixonar-me por ti fez-me renascer, e sentir-me viva. E, mesmo sem ti, sou muito feliz por me sentir tão viva!

Quanto à musica, só posso dizer que “Onde estiveres eu estarei lá!” , Ala dos Namorados

Alice - Ala dos Namorados

Sem comentários: