quarta-feira, 16 de julho de 2008

Para bom entendedor...

Hoje fizeste-me “caír em mim” novamente… Sou realmente uma sentimental - apesar desta faceta durona que mostro, ligo muito aos teus sinais!

É que "para bom entendedor, meia palavra basta!"… E tu hoje, em vez de meia palavra, disseste-me várias.

Por várias vezes me recordaste da existência dela. E é ela que tu teimas em ter ao lado, apesar de até tu saberes muito bem que não é ela que procuras! Apesar de saberes tão bem como eu que vocês nunca irão resultar! Apesar de saberes tão bem como eu que o vosso futuro não existe!

Contudo, hoje, através das tuas palavras (indirectas) deixaste subentendido que é ela quem faz parte dos teus planos – mas não faz mal... eu tenho tempo!!!

Porque talvez só o tempo te mostre que eu tenho razão!... Talvez um dia descubras que comigo viverias uma grande paixão e terias momentos inesquecíveis.

Eu não vou desistir assim tão facilmente!!!! No way!!!! Lentamente, hás-de perceber que tudo o que procuras, sou eu que tenho!

E para hoje, não há animação musical... não me apetece escolher nenhuma música, pelo que fica a tocar a de ontem!!!

:)

3 comentários:

Sininho disse...

Amiga, já há muito tempo que não deixava aqui nenhuma mensagem ... Será que já tinhas saudades? Aqui te deixo a minha "meia palavra": Se queres muito uma coisa, não desistas!
Um beijo e espero que realizes todos os teus desejos!!!!

Teresa Santos disse...

Já tinha sim senhor!... e deixa lá que não vou mesmo desistir!!!! Água mole em pedra dura.....
Beijos!!!

cannigia_953 disse...

No dia em que uma mulher escrever sobre mim desta forma, num qualquer site da internet, abro de imediato uma garrafa de moet chandon e embarco no primeiro avião pra Miami comemorar tal coisa!!!! Isto dos blogs é giro, qualquer dia faço um....

De forma como visualizas o que queres vais acabar por conseguir.
Um conselho grátis:
Não penses "nela". É esse entrave negativo na tua cabeça que te impediu até agora de te teres o que queres. Foca-te só naquilo que queres e esquece o que não queres.

Ciao, baci, baci