segunda-feira, 30 de junho de 2008

Classificados (não, não são anúncios!!!)

Hoje dou novamente voz à Música Portuguesa.

Mais uma banda nova... Mais um projecto do pop/rock português... Mais uma voz quente... melodias que ficam no ouvido!

Já ouvi vários trabalhos que integram o fresquíssimo album dos Classificados, e são todos muito bons.

Não é só a música de apresentação do disco, "Rosa do Teu Jeito de Ser" - cujo vídeo aqui vos deixo, e que tem tocado vezes sem conta nas rádios - mas todos os temas que já tive a oportunidade de conhecer, e de entre os quais destaco "Nenhum Sinal de Ti".

Como estes conteúdos ainda não estão todos disponíveis no YouTube, fica também um pouquinho da letra desse tema tão "lamechas" e romântico, mas que me assenta tão bem!


Aqui fica então "Nenhum Sinal de Ti"

Nenhum Sinal De Ti - Classificados



Eu não sei se vais ouvir
Quando eu gritar o teu nome
Eu não sei se vais pedir
Pra calar a tua fome

Eu não sei se vais cantar
E acordar os meus sentidos
Eu não sei se vais cumprir
O que tinhas prometido

Não tens rosto nem tens pele
Não há nenhum sinal de ti
És apenas o silêncio
Que se perdeu por aqui

... E o vídeo "Rosa do Teu Jeito de Ser"

domingo, 29 de junho de 2008

Aqui vou eu... para a Costa

Este foi o tipo de fim de semana que adoro!... Praia, amigos, petisco.

Já há muito tempo que não "ía a banhos" na Costa da Caparica. Não, não me refiro ao centro da vila, mas sim àquelas praias onde a areia chega para todos... mesmo num Domingo de Verão!

Cresci a passar Verões inteirinhos na Praia da Rainha, com um enorme grupo de amigos - alguns dos quais permanecem grandes amigos até hoje.

Para mim, aquelas praias têm um sabor especial. Parece até que o sol brilha diferente e que o mar é "mais mar".

Têm aquele cheiro inconfundível dos verões dos meus quinze anos. O comboio passa vagaroso e com gente a acenar. A areia é branca e fina, como em mais nenhum outro local.

E foi por esta razão que este fim de semana foi tão especial!

Acordei cedinho (para evitar a "seca" do transito) e rumei em ambos os dias ao Sol da Caparica!... Para ser mais específica, à Praia da "Cabana do Pescador".

E garanto-vos que estava um espectáculo!!! O sol ajudou, o mar convidava a belos mergulhos e os amigos foram-se juntando aos poucos - sim, que há sempre quem por lá apareça.

Depois do regresso, haverá melhor maneira de terminar o dia do que o "sítio do costume"??? Sim, a Tertúlia ou Café do Neco, como lhe queiram chamar... O belo Caracol, umas cervejolas (ok, que eu misturo com 7up), seguidos dos restantes maravilhosos petiscos.

E tudo isto regado com a imcomparavel companhia de bons amigos (e também do meu maninho, que não pode faltar na farra) e muitos conhecidos, que se vão juntando... seja para uma boa conversa, ou apenas para a nos divertirmos.

E agora digam-me lá que um fim de semana destes é coisa que se perca??? Não é!... no meu caso é coisa que, de certeza, irá repetir-se muitas vezes atá ao fim do Verão!

E aqui fica a única música que hoje faz sentido (e que também vem dos meus quinze anos!!!)

Sol da Caparica!!!

quarta-feira, 25 de junho de 2008

You got me begging you for mercy!...

Hoje não me consigo alongar grande coisa em escritas... não me apetece “pensar”!!!!

Hoje apetecia-me dançar! E a escolha não podia ser outra... Mercy (Duffy)

I love you
but I got to stay true
my morals got me on my knees
I'm begging please
stop playing games

I don't know what this is
because you got me good
just like you knew you would

I don't know what you do
but you do it well
I’m under your spell

You got me begging you for mercy
why won't you release me
you got me begging you for mercy
why won't you release me
I said release me

Now you think that I
will be something on the side
but you got to understand
that i need a man
who can take my hand
yes i do

I don't know what this is
but you got me good
just like you knew you would
I'm begging you for mercy…


segunda-feira, 23 de junho de 2008

Uma paixão "incendiária"

Mais uma vez, fiquei uns dias sem escrever nestas paragens. Porquê? Porque nem sei o que escrever!!!... É que as paixões são coisas difíceis de gerir! ;)

De há uns tempos para cá, tenho andado "apanhadinha" por alguém que nem sabe que existo (ou se sabe, faz de conta que não sabe).

... Ok!... acho que é burro!!!... ou a burra serei eu, pela pura perda de tempo?! Mas hoje, não é dele que me apetece falar. Já lhe dediquei demasiadas linhas nestes capítulos.

Hoje quero falar de uma "paixão incendiária"!...

Foi o acaso que trouxe à minha vida alguém de quem já não tinha notícias há muito.... e, nem sei bem como, envolvi-me num tal jogo de sedução que, confesso, já fez sentir os seus efeitos em mim...

É uma química antiga... uma coisa muito física. Um jogo de palavras... Cada vez mais intenso e envolvente.

É uma paixão incendiária, porque cada palavra trocada aviva mais o fogo... e sinto-me tão viva!!!!

E quero viver esta paixão!

Chega de perder tempo... a vida é para ser vivida, plenamente!... Sem ter de pensar muito no amanhã, porque o hoje está a ser muuuuuuuuuuuito bom!!!!

Aqui fica um beijo especial (dos nossos) para o responsável por esta "paixão incendiária"!

E, hoje não deixo a música deste dia, mas uma que "apimentou" o meu dia de ontem...

Prince, "Do me, Baby"...

domingo, 15 de junho de 2008

Barcelona. Só uma coisa é certa: Voltarei!!!

Isto é que foi uma ausência prolongada... mas valeu bem a pena!

Estive de férias. Umas férias movimentadas, cheias de divertimento, passeio, cultura, praia, piscina, relax.

Uma semanita em terras de Nuestros Hermanos - foi em PortAventura e Barcelona, pelo que a língua mais adquada para escrever seria Catalão, mas esse só mesmo os Catalães entendem!...

Pois é, levámos os nossos meninos (eu e a Martolas, o meu irmão e cunhada com os meus sobrinhos e a minha grande amiga Sof com o seu Tomás) e rumámos a uns inesquecíveis momentos de divertimento no PortAventura. E asseguro-vos que nos divertimos mesmo muito!!!


Depois, apenas um diazito para uma "visita relâmpago" a Barcelona. Soube-me a pouco! Barcelona é fascinante! Garantidamente, tenho de voltar.

Fiquei mesmo com essa certeza: voltarei. Mas sem filhota... é que visitar uma cidade repleta de arte e cultura não é de todo o seu programa preferido.





Barcelona é o tipo de Cidade que se visita a dois... há destinos assim: Barcelona, Roma, Paris, Londres...

Por isso fica a promessa: logo que encontre essa "boa companhia" (ou ele me descubra a mim!!!) rumarei novamente a Barcelona para me demorar, numa visita mais aprofundada e mais enriquecedora!

Agora estou de volta!!!! De baterias recarregadas para me "atirar" ao trabalho, e à minha intensa e emocionante vidinha!!!!

E, como depois destas férias me sinto com uma New Soul... é mesmo essa a música que deixo hoje!

Beijocas a todos!



quinta-feira, 5 de junho de 2008

Ter o que não quero, e querer o que não tenho!...

Sim, ando desaparecida!... Há já alguns dias que não sei bem o que escrever!

Tudo por causa desta estúpida sensação de ter o que não quero, e querer o que não tenho!...

Comecemos pelo que tenho, e não quero:

Um flirt, que persigo, mas de que fujo!

Porque a vida é cheia de surpresas... e, como até já referi por estas paragens, o mundo é um quintal!

E houve alguém que invadiu recentemente "o meu quintal", de uma forma tão repentina e inesperada, quanto agradável e surpreendente...

Alguém que me envolveu numa alucinante troca de palavras, cada vez mais apaixonantes e ousadas.

Confesso que adoro!... Alimenta o meu ego e faz-me sentir desejada - já nem me lembrava que me podia sentir assim.

E, afinal, o que quero eu desse alguém? NADA!...

Porquê????

Essa pergunda leva-me à segunda questão... O que quero e não tenho:

Uma paixão impossível.

Ao primeiro gesto, desarmo! Basta ouvir a sua voz. É impressionante, como posso andar tão animada, tão distraída, tão envolvida e, de repente, só por ouvir a sua voz, perder o norte.

É incrível como parece que faz de propósito para me prender. De tempos a tempos, lança novamente a sua rede... a apanha-me sempre nela!

É incrível... como posso querer tanto alguém que, provavelmente, nunca irei ter!

Porquê?
Porque me tentas,
Se não me queres?
Porque me olhas,
Se nem me vês?


E aqui fica a escolha musical do dia... Mais uma EXCELENTE música vinda do Brasil (porque será!?) - Ana Carolina e Seu Jorge, dois músicos que eu pura e simplesmente adoro!!!

É Isso Aí!