quarta-feira, 30 de abril de 2008

Heart of mine, be still!

Falta-me a inspiração para escrever! Apenas consigo dizer: Heart of mine, be still!

Heart of mine, be still
You can play with fire,
But you'll get the bill!
Don't let him know
Don't let him know that you love him
Oh, don't be a fool, don't be blind
Heart of mine

segunda-feira, 28 de abril de 2008

O primeiro dia do resto da minha vida.

A partir de hoje sou oficialmente, e de novo, a Teresa Santos.

O "Mateus" ficou lá atrás, com tudo o que representou esse nome na minha vida: um grande amor... Foi com ele que aprendi tanta coisa, que me fiz mulher, que dividi a maior parte dos meus dias, que partilhei quase 20 anos de bons e maus momentos. E tudo podia ter sido tão diferente...

Mas não foi, e a vida continou.

Por isso, agradeço aos meus colegas e amigos pela força que me dão sempre e me deram especialmente hoje! Adorei a "despedida de casada" e só posso dizer-vos que é mesmo muito bom ter-vos ao meu lado todos os dias!!!

A todos vocês uma beijoka muito grande.

E aqui fica a escolha do dia...

domingo, 27 de abril de 2008

Viva o sol, o mar, e as coisas boas da vida!

Estou de regresso :(

Venho do primeiro fim de semana de sol, mar, praia e boa vida deste ano!!! E podem crer que aproveitei muito bem!

Rumei ao sul na sexta-feira passada. Afastei-me do stress.

Foram três dias em que apenas apanhei sol, dei uns mergulhos, caminhei na praia, brinquei com as minhas princesas pequeninas, conversei, li, descansei,... enfim, só fiz coisas de que gosto.

E o sol, o mar e este “cheirinho” a Verão revitalizam-me! É tão bom acordar de manhã, ver o mar e ir para a praia. Sem horários, sem nada para fazer, sem obrigações.

E sentir o calor do sol no corpo, e o frio da água nos pés. Ouvir o barulho das ondas, sentir a areia fina. Sentir o cheiro da praia. É um verdadeiro privilégio.

Não fazer nada, e não pensar em nada... ou, pelo menos tentar não pensar em nada...

Por fim, o que custa é regressar!

**************************************

... And I just can't get you off of my mind (Lenny Kravitz)




.

quarta-feira, 23 de abril de 2008

Pode parecer que sou livre...

Nuno Guerreiro. Com ou sem Ala dos Namorados, é magnífico.

Ok, é um bacadito "lamechas" uma vez mais... mas esta música é linda!!!...

Não é uma música muito conhecida...

Fala dos jogos de sinais. Encontros e desencontros. Quando a vontade nos leva numa direcção que não sabemos se é a mais certa. Quando ponderamos desistir, mas temos uma vontade quase incontrolável de ir mais longe. Testar os limites.

Esta música chama-se "Tento Saber".





Tento saber como é que vai ser,
se posso viver sem ti
Tento fugir mas eu só penso,
na hora em que estás aqui
Tu nunca vens e quando apareces,
finges que não há nada
Deixas-me só sempre a pensar,
que chegamos ao fim da estrada

Pode parecer que sou livre,
mas eu estou preso a ti
Às vezes disfarço e não consigo
Mas eu só penso na hora em que estás aqui

(...) Tento manter a calma às vezes,
parece que não te ligo
Pode parecer até que te esqueço,
mas só quero estar contigo
Tento dizer adeus
e tu deixas sempre uma porta aberta...

domingo, 20 de abril de 2008

Teresinha... esta canção sou eu!

Como já referi noutras ocasiões, cresci a ouvir a Ópera do Malandro do Chico Buarque. Acho que é o disco mais antigo de que me lembro. A minha mãe punha-o a tocar num gira-discos nas tardes de domingo, quando eu era miúda. Devia ter 6 ou 7 anos.

Há já muito tempo que substituí o velhinho vinil por um CD, e esse disco tem-me acompanhado pela vida fora. Não só porque é uma das marcas mais fortes da minha infância, mas também porque é uma das coisas que mais me lembra a minha mãe (de uma forma quase física).

Por outro lado, encontro sempre nele uma inspiração ou um apoio. Conforme o meu estado de espírito, esse disco faz-me sentir nostálgica, feliz, apaixonada, sensual, e muito mais. A cada vez que o ouço - e foram já milhares – descubro nele uma nova mensagem.

Desta vez escolhi desse disco, na voz da Gal Costa, a canção Teresinha (coincidência, o nome).

sexta-feira, 18 de abril de 2008

You've got a Friend!

Tinhas razão... era o James Taylor!

...Mas eu não me estava a lembrar, porque tenho uma outra versão dessa música no DVD "Divas" (Carole King, Celine Dion, Gloria Estefan & Shanaya Twayn).

Por isso aqui fica essa versão. E, já agora, lembra-te que é realmente verdade: You've got a Friend.

terça-feira, 15 de abril de 2008

Ao "próximo capítulo"...

Hoje recebi uma mensagem que pensei que quando recebesse faria o meu nundo cair... Mas não caiu!

Confesso que senti alguma tristeza, porque tudo poderia ter sido tão diferente. Mas apenas por isso. Porque a verdade, é que toda a (muita) tristeza que já senti, se foi embora.

E tenho orgulho em mim! Tenho orgulho em ter-me tornado mais forte. Tenho orgulho naquilo que sou e em tudo o que tenho a certeza que ainda vou conseguir.

Mudei os olhos com que olho o mundo. Abriram-se novos horizontes. Descobri novos interesses...

Talvez não tenha sido este o caminho que escolhi para a minha vida, mas foi este o caminho que tive de tomar. Por isso, tiro o melhor partido de cada dia, de cada minuto e de tudo o que a vida me dá.

No dia 28 encerro defenitivamente esta página... mas já ando a ler algumas linhas do próximo capítulo! E espero que esse próximo capítulo venha a revelar-se um capitulo apaixonado, intenso, repleto de bons momentos, e "eterno enquanto dure"!´

Portanto, aqui fica a minha escolha do dia: Deixa o Mundo Girar! (Polo Norte)... a letra desta música é um hino à força de viver, uma verdadeira lição!

Marisa Monte...

Deixa eu dizer que te amo
Deixa eu pensar em você
Isso me acalma, me acolhe a alma,
Isso me ajuda a viver!

Hoje contei p'rás paredes,
Coisas do meu coração...

segunda-feira, 14 de abril de 2008

Madeira, a Pérola do Atlântico

Hoje voltei de um fim de semana verdadeiramente inesquecível.

A Pérola do Atlântico... a nossa Madeira!

Foi fantástico! A ilha é linda!!!

Tem recantos de uma beleza... de cortar a respiração!

Ficou a certeza de que voltarei, logo que possa, para me dedicar com mais tempo e calma à descoberta deste pequeno paraíso.

Como em todas as viagens, o que guardamos são os momentos. E é por isto mesmo que viajar é uma das coisas que me dá mais prazer. Descobrir terras, gentes, locais. Viver experiências, sentir os cheiros, acumular recordações e memórias que me ficarão para toda a vida!

Os locais que visitei, as paisagens, a comida (sem esquecer, é claro, a bebida: a bela Poncha!!!) fizeram deste fim de semana um verdadeiro prazer.

E, por fim, porém muito, muito importante, a companhia também contribuiu para tornar este fim de semana ainda mais inesquecível.

E, remato este testemunho com uma música que estávamos a cantar no aeroporto...

... não tem nada a ver com a Madeira mas, teimosamente, ficou-me no ouvido: Viver, e não ter a vergonha de ser FELIZ!!!

quarta-feira, 9 de abril de 2008

I Can't Fight This Feeling

Hoje deixo-vos uma das músicas da minha vida! O meu "tesourinho"!

Acho que é linda!... sempre achei! É uma música para ouvir com "ouvidos de ouvir" - a tradução no vídeo é que era dispensável, mas já que está lá...

E não lhe consigo acrescentar grandes palavras, pensamentos ou dissertações. Esta música fala por si!


domingo, 6 de abril de 2008

A Festa da M80

Pois é… quem promete tem de cumprir! E eu prometi que vos contava como foi a Festa da M80... então aqui fica o meu testemunho: Não Foi !!!!

Há coisas para as quais já não tenho paciência – deve ser da idade, ou então tenho mau feitio :)

Para já, apesar da minha vida social ter andado um pouquito “por baixo” nos últimos anos, sempre achei que ninguém vai para a “night” às onze... mas, pelos vistos, estava enganada.

Cheguei ao BBC às onze e meia – e até confesso que estava a sentir-me um pouco saloia – e nem queria acreditar. O estacionamento estava impossível, e a fila de pessoas para entrar era simplesmente gigantesca!

Ainda pensei, “deve ser malta sem convite”. Como o meu nome estava na Guest List – o que soa a coisa importante – dirigi-me a outra entrada, na parte do restaurante... Erro!!! A enorme fila da porta principal era mesmo para as pessoas com o nome na dita Guest List!!!

Ora, se antigamente seria incapaz de estar mais do que uns minutos à espera, só para o “Gorila” enorme (leia-se porteiro) me fazer o “enorme favor” de me deixar entrar, hoje isso está totalmente fora de questão! Detesto confusões, filas, gente amontoada.

Portanto, DESISITI.

E não me arrependo nada!!! Fui calmamente tomar um Cappuccino, com a minha amiga, ao Amo.te Tejo. Para além de ser um espaço muito giro, com bom ambiente e com boa música, ontem tinha um brinde: atrás do balcão o seu proprietário, Pedro Miguel Ramos, que está como o vinho do porto... quanto mais velho melhor!!!!

E à uma e meia da manhã a fila gigantesca continuava na porta do BBC...

Assim, deixo como escolha musical a representar a Festa M80, a única música que consegui ouvir do lado de fora:

Berlin – Take my Breath Away



P.S.: You really take my breath away ;)

.

quinta-feira, 3 de abril de 2008

Kris...és muito especial!

Esta manhã, transformei uma daquelas tarefas muito chatas - uma hora de "seca" na conservatória do registo civil - numa oportunidade para rever uma pessoa que significa muito na minha vida!

A magnífica Vila de Sintra, onde já fui tão feliz e me sinto tão em casa, estava, como sempre, linda! Sempre cheia de romantismo, maravilhosa!

... E foi tão bom rever-te, Kris!

A amizade é um sentimento incrível. Pode unir-nos com uma força imensa, e o certo é que há pessoas que fazem parte da minha vida de tal forma, que posso estar uma eternidade sem as ver... mas quando estamos juntas, é como se tivesse sido ontem!

Contigo há uma cumplicidade, um carinho... é como se estivesses sempre comigo, como se nunca tenha saído do pé de ti!... Sinto muito a tua falta, mas o facto é que estás sempre no meu coração.

E hoje, alegraste o meu dia!

Por isso, hoje escolhi uma música que, sempre que ouço me recorda de ti.

Não é uma música linda de facto - é apenas mais uma música - mas faz-me sempre lembrar das nossas noitadas de Karaoke.

Faz-me lemrar o "Hot Legs" a cantar esta música, nos seus belos calções de ganga, com umas pernas de fazer revirar os olhos (fossem lá quais fossem as preferências dele, o rapaz era um must!!!)... e faz-me lembrar de nós, que estávamos a noite inteira a dizer baboseiras, a rir... enfim a ser Felizes - coisa que tão bem sabemos fazer, as duas! Eram grandes noitadas, muito, muito divetidas!...

Por todas as maluquices, desgostos, alegrias, risadas, lágrimas, segredos, e tudo o que já vivemos juntas, hoje o meu Blog é todinho dedicado a ti!!!

AMIGA, és muito especial!!!

quarta-feira, 2 de abril de 2008